Eu falo o que eu sinto, eu sinto o que eu falo

A linguagem utilizada para expressar a percepção sensorial reflete a forma com que processamos a informação sensorial. No entanto, nossa linguagem também é capaz de influenciar nossas percepções sensoriais.


A percepção do sabor, qualidade e etnicidade de um prato se deve à qualidade e natureza dos ingredientes usados, da receita e do talento de quem o prepara. Mas sabemos que não é só isso - em 1859, Brillat-Savarin já dizia que havia ao menos seis sentidos a serem contemplados durante a relação com um objeto exterior. (https://www.foodworksweb.com.br/post/a-gente-quer-comida-divers%C3%A3o-e-arte)


Nossa preferência por um prato está em grande parte ligado à nomenclatura usada em sua apresentação; isso inclui como ele é chamado, rotulado e dos termos usados na descrição sensorial. Não importa se essas informações são escritas no menu, apresentadas em um painel ou expressas verbalmente pelo garçom ou garçonete em frente à sua mesa (Spence & Piqueras-Fiszman - The Perfect Meal, pag. 72).

Mas o que exatamente importa no nome ou descrição de um prato?


Em 1997, o chef Heston Blumenthal (Fat Duck) criou o sorvete com sabor de caranguejo e o chamou de bisque de caranguejo congelado, ciente de que um sorvete sabor caranguejo não era usual e as pessoas se sentiriam desencorajadas a experimentá-lo – e funcionou, pois o nome sugeria que era algo muito bom. (https://www.foodworksweb.com.br/post/a-gente-quer-comida-divers%C3%A3o-e-arte)


As palavras "homemade", "natural", e "da vovó" trazem humores nostálgicos ao prato (How descriptive food names bias sensor perceptions in restaurants, Wansink et al., 2005). Por outro lado, nomeando um prato em uma língua estrangeira passamos uma ideia de tradição e sofisticação, de prato feito com a receita tradicional e com os ingredientes da região onde a língua é falada (Foreign Branding and Its Effects on Product Perceptions and Attitudes, LeClerc et al., 1994).


Existem muitos outros estudos sobre o tema e isso vem se tornando tão importante quanto a receita e os ingredientes. Como isso funciona em nosso cérebro será tema de um próximo post.


FoodWorks. Alimentamos ideias que mudam o mundo. Inspiramos pessoas a alimentar novas ideias.

Campinas - Brasil 

contato@foodworksweb.com.br

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon

© 2018 Mixdcampinas.com -  Criado orgulhosamente com Mixdcampinas