Design Thinking: um caso de sucesso

A competição acirrada entre o grande número de fabricantes de um dado produto, todos com acesso à informações relevantes sobre seus usuários (perfis, gostos pessoais, estilos de vida, etc), faz valer a afirmação de que não é possível uma empresa seguir adiante se todo o seu time não respirar em função de seu usuário.


Quem é e onde está esse usuário? Essa foi a pergunta que fizemos quando uma importante fabricante de ingrediente culinário nos contatou para levantarmos detalhes sobre a aplicação de seu produto, isto é, as necessidades, dores e amores dos seus usuários desde o momento da compra até a utilização do produto.


Entendemos que, para esse trabalho, não bastava focar no produto e sua aplicação, precisávamos conhecer profundamente o usuário (jornada do usuário) e encontrar o “tom” para conversar com ele nos canais digitais. Esse era, sem sombra de dúvida, um trabalho para o Design Thinking (DT)! (https://www.foodworksweb.com.br/post/o-que-é-design-thinking-afinal)


Engajamento de equipe multifuncional

O projeto era desafiador. Entender os diferentes locais de venda – pequenas lojas, grandes atacados, distribuidores especializados, supermercados – e a utilização do produto nos lares e restaurantes necessitava de uma equipe robusta, porém o orçamento disponível era bastante reduzido. A solução foi trabalhar com uma equipe multifuncional da empresa além da nossa equipe, formada por dois design thinkers e um facilitador experiente.


Iniciamos com uma oficina de alinhamento para treinamento e engajamento da equipe. Numa das etapas desse trabalho, cada participante compartilhava seus conhecimentos sobre a empresa, o produto e seus usos, o consumidor e o mercado. O resultado foi riquíssimo, e constatou-se que havia muito conhecimento diluído entre os membros da empresa.


Tivemos outras etapas com trabalhos em grupo, discussões, benchmarks, etc. Ao final, para situar a empresa no momento atual, trabalhamos sobre um material preparado previamente pela equipe da FoodWorks – um conjunto de entrevistas com cozinheiros, chefs formadores de opinião, jornalistas especializados em gastronomia e uma historiadora de hábitos alimentares no Brasil.


Com a equipe preparada e engajada fomos para a Inspiração que, segundo a IDEO (https://designthinking.ideo.com/), é a etapa do DT que inclui as saídas a campo e observação do usuário. Após as primeiras visitas, tivemos uma sessão de iteração, quando os resultados foram discutidos e outros pontos a serem observados foram levantados.


Novamente fomos a campo e, após algumas semanas, voltamos para a empresa para o processamento das informações trazidas pelo grupo, discutindo e fazendo o reconhecimento de padrões e identificação das personas – principais usuários e suas motivações, bem como usos do produto e oportunidades em produtos e serviços.


Em seguida fomos para a etapa de Ideação, quando construímos os protótipos e voltamos a campo para testá-los com os usuários.


No momento a equipe de marketing está finalizando a comunicação, mas já comemoramos o ganho relativo à mudança da equipe – de conhecedores do produto para observadores do usuário!!!


FoodWorks. Alimentamos ideias que mudam o mundo. Inspiramos pessoas a alimentar novas ideias.

Campinas - Brasil 

contato@foodworksweb.com.br

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon

© 2018 Mixdcampinas.com -  Criado orgulhosamente com Mixdcampinas